Scan0009

Scan0002

O subsecretário Humberto Magalhães destacou a importância do manual para cidade

Os problemas de acessibilidade observados nas calçadas de Duque de Caxias levaram a Prefeitura a pensar em um documento com normas para padronização da construção de calçamento na cidade. Nesta quinta-feira (30/6), no auditório da Unigranrio, a secretaria municipal de Planejamento, Habitação e Urbanismo apresentou o manual Calçadas Para Todos, resultado do trabalho desenvolvido em parceria com a Associação brasileira de Cimento Portland (ABCP) e Firjan, para debater com a sociedade civil pontos que ajudem na edição final do documento, que será integrado ao programa de mobilidade urbana Caxias Mobi.

A mesa de debate foi composta pelo subsecretário de Urbanismo, Humberto Magalhães; gerente de planejamento urbano da SMPHU, Márcio Wixak Motta; coordenador do projeto Calçadas Acessíveis da ABPC, Gustavo Guimarães; e pelo vereador Moa. Representantes do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência também participaram da apresentação.

“É importante ressaltar a questão da acessibilidade. Enfrentamos no dia a dia uma grande dificuldade de fazer compreender sobre o a importância dos espaços públicos, o tratamento e a condição que a gente quer dar a eles. Nesse sentido é relevante que o produto tenha um trabalho de continuidade dentro não só da secretaria, como também seja entendido por toda a cidade. Apesar desse processo ter se dado internamente, ele passa agora para etapa de ser compreendido e assimilado pela sociedade”, destacou o subsecretário.

O gerente de planejamento urbano da SMPHU, Márcio Wixak Motta, explicou que o manual vai trazer como benefício equipes mais capacitadas e qualificadas, projetos mais elaborados, um caderno técnico sobre calçadas no município e uma cidade mais acessível aos cidadãos.

“Hoje falta uma regulamentação, ninguém é obrigado por lei a analisar a questão das calçadas. Temos que ter uma normatização. Só que agora estamos mudando isso. A questão da mobilidade não atinge apenas as pessoas que são cegas, cadeirantes, mas sim a todos nós que nos locomovemos diariamente” disse.

O manual Calçadas Para Todos será disponibilizado para todas as secretarias municipais, no portal da Prefeitura e em folder para conscientizar a população sobre as novas normas. A fiscalização passará a atuar a partir do momento em que o documento for regulamentado.

Sorteio das unidades aconteceu na quadra do Colégio Carlos Gomes no Centro de Caxias

A Prefeitura de Duque de Caxias realizou neste sábado (2/7), na quadra do Colégio Carlos Gomes, no bairro Laguna e Dourados, o sorteio dos apartamentos do residencial no Parque Vila Ideal entre os beneficiados pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do governo federal. As obras no condomínio foram retomadas em 2015, pela secretaria municipal de Obras, em parceria com o governo federal, após ficarem oito anos paralisadas. O condomínio conta com 176 apartamentos de 46 metros quadrados divididos em seis blocos sendo cinco com 32 unidades e um com 16.

Primeira sorteada do dia, Josefa da Silva Macedo Tavares ficou bastante emocionada. “Estou muito feliz. É a realização de um sonho. São mais de cinco anos de espera que estão chegando ao fim”, disse.

A previsão da secretaria municipal de Obras é que as unidades sejam entregues até o final de setembro.

Apartamentos são do programa Minha casa, minha vida

 

O sonho da casa própria tornou realidade para 760 famílias de Duque de Caxias, que receberam nesta terça-feira (28/6), as chaves dos apartamentos dos condomínios Piemonte, Catania e Mônaco, no bairro do Cangulo. Os imóveis fazem parte do programa Minha casa, minha vida, uma parceria da Prefeitura de Duque de Caxias com o governo federal, que em três anos já entregou cerca de três mil moradias populares no município.

Condominio term vagas de estacionamento e área de lazer1

Os novos proprietários dos apartamentos receberam durante a solenidade, uma boa notícia do prefeito de Duque de Caxias, Alexandre Cardoso: a construção de uma creche e uma escola para a região. “A Prefeitura irá buscar recursos para construir uma creche e uma escola nesta área para atender aos moradores dos condomínios”, disse o prefeito que estava acompanhado do vice-prefeito Laury Vilar.

O prefeito Alexandre Cardoso conversou com os moradores do condomínio

Destacou ainda a parceria com o governo federal, através da Caixa Econômica Federal (CEF), que vem realizando o sonho da casa própria para várias famílias de Caxias. “ Em três anos aumentamos por 10 o número de moradias entregues, com aproximadamente três mil famílias atendidas.  A Prefeitura acertou com a Caixa, entregar um total de cinco mil unidades habitacionais até o final do governo”, explicou o prefeito Alexandre Cardoso, que entregou a chave do apartamento a Vanilda Laureano dos Santos.

Para o secretário de Planejamento, Urbanismo e Habitação, Luiz Edmundo Costa Leite, entrega dos apartamentos era um momento importante para a Prefeitura, por ser a conclusão de um projeto.

Banheiro do apartamento é adaptado à portadores de necessidades especiais

Segundo o superintendente regional da CEF, Augusto Motta a solenidade de entrega das chaves é o momento final de um processo tão esperado pelas pessoas que irão morar no condomínio. “Este é um dos condomínios mais bonitos que vi, inclusive a área de lazer”, comentou.

Moradores procuraram as tendas das secretarias e da Ouvidoria para orientações

Estiveram presentes secretários municipais, vereadores, o deputado estadual Dica, Ricardo Guido, representante da  construtora Eccamp, o comandante do 15º BPM (Duque de Caxias), tenente-coronel Marco Aurélio Santos, entre outros convidados. 

Desejo concretizado

Os apartamentos dos residenciais Piemonte, Catania e Monaco são imóveis de 43,23 metros quadrados, com sala, dois quartos, cozinha e banheiro e valor aproximado de R$ 75 mil. O condomínio conta também com vagas de estacionamento, playground e área de lazer. Mais do que sonhou ou pode desejar a dona de casa Sandra Borromeu, 46 anos, que finalmente terá o espaço para colocar a filha de 16, tetraplégica, em uma casa.

O prefeito Alexandre Cardoso foi a primeira visita no apartamento de Sandra Borromeu

“Quando recebi a ligação telefônica da secretaria de Planejamento, Urbanismo e Habitação, informando que eu havia sido sorteada no Minha casa, minha vida, não acreditei. Achei que era um trote. Foi preciso a assistente social do hospital onde minha filha está internada falar com o pessoal da secretaria e confirmar que havia ganho a casa. Receber a chave da minha casa é a realização de um sonho. Estou emocionada. A partir de hoje é vida nova para toda a família”, concluiu.

BUSCAR NO PORTAL

OUVIDORIA MUNICIPAL

DFDASSS

REDES SOCIAIS

                      

PORTAL DA TRANSPARÊNCIA

TRANSPARENCIA 3

WEBMAIL

BANNER WEB

Contracheque

unnamed 1

banner-servidores-ativos

banner servidores ativos

banner servidores inativos

SERVIDOR

banner processos administrativos

CONSULTA DE PROCESSOS

BANNER consultar processo semviva

PROGRAMA HABITACIONAL

BANNER minha casa minha vida 2